segunda-feira, 13 de junho de 2011

Hoje é um dia que eu tenho tanta coisa pra dizer, desabafar, ficar com os cabelos em pé.
Amizades falsas, emprego novo, dia de Santo Antônio (fato importantíssimooooo, merece até uma super simpatia), e por fim o falecimento de uma aluna.

Com a notícia do falecimento de uma ex-aluna, fiquei tão pra baixo que estou sem cabeça pra falar de qualquer outra coisa.
Fico aqui me questionando o porquê de acontecer certas coisas, justo com certas pessoas.
Uma menina jovem ,cheia de vida, espontânea, engraçada e que sofria, todos os dias, os maus-tratos dos colegas, sofria com os apelidos da moda, e mesmo assim, sorria!
Ela sorria tanto, que muita vezes parávamos a aula pra rir juntos com ela.
As coisas que ela dizia, os pitis que tinha, do nada... cada situação era algo que nos levava a sorrir...
Hoje aqui, sentada em frente ao computador, estou folheando seu caderno, olhando sua melhora, a sua letra que estava ficando mais bonita e o carinho e preocupação em sempre estar atenta e fazer todas as tarefas.
Questionar Deus numa hora dessas, não é a melhor saída.
Mas saber que ela lutou até o último minuto, me consola.
Menina forte!
Menina querida!
Menina...

Somente uma menina...

Que Deus a tenha junto dele e dê muita força para sua família, pois estes, juntamente ao lado da Ana, lutaram, com todas as forças que tiveram!