sábado, 24 de setembro de 2011

O caso do prefeito fanfarrão

Reprodução via Google Imagens

Sabe a história do salário do prefeito de Califórnia? Pois é, uma vereadora  o promotor Luiz Fernando Feitosa, de Marilândia do Sul, deu e primeiro passo e  conseguiu que o aumento não acontecesse.
Dai, eu estava lendo a matéria completa no TnOnline (aqui), e vi nos comentários que tem gente contra e a favor, ok, cada um tem seu ponto de vista, certo?
Mas pense comigo, abriram o concurso para médico, com salário de 12 mil por mês e não houve nenhum inscrito, ou seja, o salário sendo 2 ou 20 mil, não vai fazer diferença, já que o que parece é que os profissionais desta área não têm interesse pela cidade, ou pela região.
Talvez o problema não seja o valor do salário, mas sim outras condições, que sejam mais atrativas. Afinal, o que o município pode oferecer para um bom profissional? Vários pontos devem ser analisados, eu sou professora e já me interessei por concursos, bem longe daqui, onde eu teria um salário cinco vezes maior que o meu, mas a cidade não tinha nenhum atrativo, não há gordo salário que aguente viver em um lugar que não possui: cultura, arte, educação, esportes, música e comida de qualidade ... entre tantas outras coisas. Não há salário de 12 mil ao mês que valha a pena, já que provavelmente o dinheiro será seu único companheiro.
Eu sei que Apucarana não é o melhor exemplo de cidade ideal, aqui tem inúmeros defeitos, mas o que me mantém aqui é minha família, e isso não há dinheiro que pague.
Pense nisso Senhor Prefeito de Califórnia e os demais de todas as cidades da região, parece que todos nós sabemos o que ainda mantém os Senhores nas cidades pequenas, talvez seja porque metade delas é de sua propriedade:  lotéricas, loteamentos, restaurantes, escritórios ...entre tantas outras coisas que só não levam seu nome escancaradamente. Comecem a ver as coisas com outros olhos, olhos de profissionais e não com o olhar de uma pessoa, que para conquistar um objetivo "para a cidade" precisa, primeiramente estar satisfeito com seu próprio salário ou demais benefícios que o governo pode dar. Se escolheu representar a cidade, faça isso dignamente, vista a camisa e saia em luta pelo povo e não contra ele!

E depois dizem que a voz do povo não tem força, a união fez a diferença no caso de Califórnia, todas as reclamações e pedidos de resolução chegaram a quem deveria, agora só falta o CQC fazer a matéria completa.


Fanfarrão: 
adj. e s.m. Jactancioso, que ostenta de valente sendo covarde, que se gaba do que não faz; impostor, convencido: soldado fanfarrão. Fonte: http://www.dicio.com.br/fanfarrao/